Make your own free website on Tripod.com

Osteomielite

Osteomielite, termo aplicado a qualquer processo inflamatório dos ossos ou da medula óssea, provocado habitualmente por uma infecção por microorganismos, principalmente o Staphylococcus aureus. Em geral, o microorganismo alcança o osso através da circulação sanguínea, procedendo de uma infecção localizada em outro ponto.

Amniocentese

Amniocentese, procedimento de extração de uma amostra do líquido amniótico que rodeia o feto humano no interior do útero. Provavelmente, a aplicação mais freqüente é para a detecção precoce da síndrome de Down.

Doença de Crohn

Doença de, inflamação crônica do trato gastrointestinal. Pode afetar qualquer parte do aparelho digestivo, da boca ao ânus, mas a localização mais freqüente é no íleo e no cólon. Nesta doença, há uma reação exagerada do sistema imunológico. Os sintomas mais freqüentes são diarréia, dor abdominal, perda de peso e febre.

É freqüente a anemia devido ao sangramento intestinal. Há uma inflamação das diversas camadas do intestino. Esta inflamação se transforma em áreas de ulceração, provocando uma aparência característica - empedrada. A parede muscular do intestino se torna mais grossa e fibrosa e pode causar uma obstrução intestinal.

Luxação

Luxação, deslocamento patológico dos ossos que formam uma articulação. Uma luxação parcial ou incompleta se chama subluxação. O tratamento de todas as luxações, cuja principal etiologia é traumática, é sua redução, isto é, conseguir que os ossos voltem a ocupar sua posição correta.

Entorse

Entorse, distensão dos ligamentos de uma articulação; com freqüência, há ruptura dos tecidos, mas sem luxação. Caracteriza-se por dor, inflamação e dificuldade em mover a articulação afetada.

Lóbulo parietal

Lóbulo parietal, uma das divisões dos hemisférios cerebrais (ver Cérebro). Contém o córtex sensorial (recebe a sensibilidade superficial e profunda de distintas partes do corpo) e as áreas de associação. Recebe este nome devido ao osso do crânio que o encobre: o parietal.

Lúpus eritematoso

Lúpus eritematoso, doença crônica provocada por uma alteração no funcionamento do sistema imunológico. Nos indivíduos que sofrem desta moléstia, o sangue contém anticorpos dirigidos contra os tecidos do próprio organismo. Os danos provocados por estes anticorpos são os responsáveis pela erupção característica em asas de mariposa da face, pela artrite, as lesões cardíacas e as alterações na função renal e pulmonar.

Enciclopédia® Microsoft® Encarta 2001. © 1993-2000 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.